Este site utiliza cookies que só se mantém até o utilizador sair do site; ao navegar aqui está a aceitar a utilização de cookies nessas condições.

Bolos de Doce Fino

A arte da doçaria regional algarvia, Arte Doce em Jul 2007 - Foto de: Francisco Castelo/CMLagos


A Feira Arte Doce, que se realiza anualmente, em Lagos, no final de Julho, tem contribuído para preservar e revitalizar uma das mais genuínas e apreciadas tradições da região, a doçaria - confeccionada principalmente com base na amêndoa e no figo.
O certame que se realiza desde 1986 apresenta os magníficos bolinhos tradicionais feitos de amêndoa a que ninguém resiste, também conhecidos como bolos de “doce fino”, a que se juntam os Dom Rodrigo, os Morgados, Morgadinhos, Maçapão, Queijos de figo, e tantos outros doces tradicionais da região que transportam consigo as influências da presença árabe no território.
São um festival de cor e formas que seduzem o olhar e fazem crescer água na boca muito antes de os provarmos. Um dos doces mais típicos da região é, justamente, o Dom Rodrigo, originário de Lagos. É confeccionado à base de fios de ovos, enriquecidos com canela e amêndoas, sendo depois embrulhados em papel de prata de várias cores.
Melhor do que ver, é provar.

Preferências de Linguagem

Tags Populares

Imagem aleatória

Ver mais Informação